Nascimento dos gêmeos de embriões congelados por 30 anos

Bebês nasceram em outubro e o caso foi registrado como recorde mundial

Nesta segunda-feira, 21, uma notícia surpreendeu o mundo. O nascimento de um casal de gêmeos americanos provenientes de um congelamento de embriões realizado há mais de 30 anos, em abril de 1992. O caso aconteceu em 31 de outubro, mas só foi divulgado pelo Centro Nacional de Doação de Embriões dos Estados Unidos nesta segunda-feira. O fato se tornou recorde mundial, que até então pertencia a Molly, um embrião americano congelado por 27 anos, que nasceu em 2020. Já os progenitores, são um casal de doadores anônimos. Segundo o Centro, na época do congelamento, o pai possuía 50 anos e a mãe, 34. De acordo com especialistas, para que esse nascimento fosse possível após três décadas, os embriões precisaram ficar congelados em nitrogênio líquido com temperatura de -196 C, em um tanque apropriado.

Segundo a especialista em infertilidade com ênfase em alta complexidade, Dra. Paula Fettback, esses embriões de 30 anos mostram o quanto o congelamento de óvulos é eficiente. “Os casais podem utilizar essa técnica para preservar a fertilidade ou, no caso dos que têm embriões excedentes, podem ser seguros para a possibilidade da doação, que é algo pouco falado, mas que precisa ter cada vez mais destaque, já que é uma possibilidade para os casais que não conseguem engravidar com os próprios óvulos ou os próprios embriões”, explica a médica.

Sobre o longo período de congelamento, a especialista destaca que não há perda na qualidade do embrião e nem na chance de engravidar. “A preservação da fertilidade por meio da vitrificação, seja por congelamento de óvulos, espermatozoides ou congelamento de embriões, é uma técnica segura, com ótimos resultados, principalmente no caso do congelamento de embriões. Esta é realmente uma técnica de excelência”, destaca a Dra. Paula.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
WhatsApp

Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe seu e-mail e inscreva-se na nossa newsletter.